Visualizações de página do mês passado

domingo, 14 de setembro de 2014

Médicos descobrem uma mulher que não tem cerebelo | HypeScience

Essa mulher deu todo um novo sentido para a expressão “perder a cabeça”. No auge dos seus 24 anos, ela estava se queixando de tonturas e náuseas. Então, os médicos decidiram que o melhor era interná-la para mantê-la em observação. Em algum momento, ela contou que teve problemas de equilíbrio a vida inteira.
Essa combinação de sintomas já é suficiente para a gente não esperar o melhor prognóstico do mundo, mas os médicos continuaram investigando. E quando realizaram uma varredura completa no seu cérebro, imediatamente perceberam qual era o problema: estava faltando uma pecinha chamada cerebelo.

O que é o cerebelo?

O cerebelo, que é latim para “pequeno cérebro”, é um pequeno pedaço de massa encefálica situado abaixo e na parte de trás do cérebro. Ele contém uma alta densidade de neurônios – apesar de ser responsável por apenas 10% do volume total do cérebro, é capaz de gerenciar mais da metade do total de neurônios disponíveis.
Ou seja: viver muito anos sem um cerebelo está, devo dizer, muito longe de ser algo comum. Tanto que essa paciente de 24 anos de que estamos falando é apenas uma das NOVE pessoas conhecidas que viveram tanto tempo nessas condições.

Médicos descobriram uma mulher sem cerebelo

O caso dessa mulher apresenta um exemplo fascinante de neuroplasticidade – processo pelo qual uma ou mais regiões do cérebro se adaptam para compensar danos causados a uma área diferente do cérebro, ou uma perda de alguma função corporal.
Se você perder um dedo, por exemplo, as representações neurais dos dedos vizinhos ficam maiores, de forma que eles ficam mais sensíveis. Da mesma forma, se uma pessoa tem o nervo óptico comprometido, os neurônios dedicados à visão são “realocados” para ajudar em outras funções cognitivas. Esta é inclusive uma razão pela qual os cegos tendem a ter uma excelente capacidade de audição.
No caso da mulher, no entanto, a parte do corpo em falta não é um dedo ou um nervo óptico, mas um grande pedaço de cérebro. O cerebelo desempenha um papel importante no controlo motor, auxiliando na executando de funções de coordenação e movimento. A equipe do neurocirurgião Feng Yu, responsável pelo caso, chama essa condição de um raro exemplo de completa agenesia cerebelar primária. “Esse fenômeno surpreendente”, como descrevem os médicos, “apoia o conceito da plasticidade do sistema motor extracerebelar, especialmente no que diz respeito à perda de cerebelo, que ocorre no início da vida”.
Fonte :  Médicos descobrem uma mulher que não tem cerebelo | HypeScience

BOA TARDE AMIGOS E AMIGAS DO BLOG - GRAVAÇÃO NO CENTRO DE SAÚDE MENTAL

 Gravação no centro de saúde mental
"Obrigado por ligar para o Instituto de Saúde Mental , sua mais saudável companhia em seus momentos de maior loucura.

Se você é obsessivo e compulsivo pressione 1, repetidamente.

Se você é dependente, peça a alguém que pressione o 2 por você.

Se tem múltiplas personalidades pressione o 3, 4, 5, e o 6.

Se você é paranóico, sabemos quem é você, o que faz e o que quer . Espere na linha enquanto rasteamos sua chamada.

Se você sofre de alucinações, pressione o 7 e sua chamada será transferida para o Departamento de Elefantes Cor de Rosa.

Se você é esquizofrênico, escute cuidadosamente e uma vozinha lhe dirá que número pressionar.

Se você é depressivo, não importa que número disque. Ninguém vai responder.

Se você sofre de amnésia, pressione o 8 e diga em voz alta seu nome, endereço, número da carteira de identidade, data do nascimento, estado civil e o nome de solteira de sua mãe.

Se você sofre de stress pós - traumático, pressione lentamente a tecla # até que alguém tenha piedade de você.

Se sofre de indecisão, deixe sua mensagem logo que escute o bip... Ou antes do bip... Ou depois do bip... Ou durante o bip...
De qualquer modo, espere o bip...

Se sofre de perda de memória para fatos recentes, pressione 9. Se sofre de perda de memória para fatos recentes, pressione 9. Se sofre de perda de memória para fatos recentes, pressione 9. Se sofre de perda de memória para fatos recentes, pressione 9.

Se tem baixa auto–estima por favor desligue. Nossos operadores estão ocupados atendendo pessoas importantes.

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Saiba mais sobre a Doença de Parkinson - Jornal O NORTÃO

A Doença de Parkinson faz com que o cérebro produza uma menor quantidade de uma substância química chamada dopamina. Isso afeta a maneira como o cérebro controla os movimentos do corpo.

Quem pode ter a Doença de Parkinson?

A doença de Parkinson é mais comum em pessoas mais velhas. Algumas pessoas com menos de 40 anos podem desenvolver a doença, especialmente se existem pessoas com a mesma condição na família. A doença não é transmissível de outras pessoas.
Como saber se  uma pessoa tem a doença de Parkinson?

O paciente com Doença de Parkinson pode desenvolver ter tremores (agitação) nas mãos. Pode também ter rigidez no corpo. Pode ser difícil de se mover rapidamente ou caminhar. Estes sintomas podem ser piores em um dos lados do seu corpo. Com a passagem do tempo, podem ocorrer quedas com mais facilidade.

Uma pessoa com a doença de Parkinson pode ter caligrafia difícil de ler e menor do que o habitual; pode ser difícil se virar na cama, abrir tampas de frascos, e levantar-se de uma  cadeira. Pode ter também problemas de deglutição, usar o toilete,  e problemas do sono.
Como o médico irá fazer o diagnóstico?

Não há nenhum exame que possa afirmar com certeza se um paciente tem a doença. O médico irá fazer perguntas, fazer um exame físico, e  observar como o paciente caminha e  faz tarefas simples. O médico poderá prescrever medicamentos  para avaliar se há uma resposta de melhora ou realizar exames de imagem no cérebro para descartar outros problemas. Pode ser necessária a opinião de um especialista.
Como a Doença de Parkinson é tratada?
Fonte : Saiba mais sobre a Doença de Parkinson - Jornal O NORTÃO

BOM DIA AMIGOS E AMIGAS DO BLOG - URGÊNCIA DE VIVER

Urgência de viver

A matemática da vida não é simples...
Cada soma é também uma subtração...

Quando somamos mais um anoàqueles que já vivemos,
subtraímos um anodaqueles que nos restam para viver...

Esperamos demais para fazer o que precisa ser feito,
num mundo que só nos dá um dia de cada vez,sem garantia do amanhã...

Enquanto lamentamos que a vida é curta, agimos como se tivéssemos à nossa disposição um estoque inesgotável de tempo...

Esperamos demais para dizer as palavras do perdão que devem ser ditas... Esperamos demais para pôr de lado os rancores que devem ser expulsos...

Esperamos demais para expressar gratidão, para dar ânimo,
para oferecer consolo... Esperamos demais para enunciar as preces...

Esperamos demais para executar as tarefas que estão esperando para serem cumpridas... Esperamos demais para demonstrar o amor
que talvez não seja mais necessário amanhã...

Esperamos demais nos bastidores, quando a vida tem um papel
para desempenharmos no palco...

Deus também está esperando nós pararmos de esperar,
esperando nós começarmos a fazer agora tudo aquilo para o qual
este dia e esta vida nos foram dados...

Meus amigos, é hora de viver...

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

A Arte da Felicidade - legenda em português!!!

BOA TARDE AMIGOS DO BLOG - A CAMINHADA!!!

                                   A caminhada                    

Nobre viajante
"Eis-me aqui, na grande aventura de viver.
Nada tenho nos bolsos, nada trago comigo:

Meus pertences são etéreos.

Descubro a cada passo  Nesta misteriosa jornada Que não sou dono do caminho!
Só o que tenho, é a caminhada !"

Tudo se alterna e se transforma tal qual a lua

nas fases que se sucedem no eterno ciclo do existir.

Pobre daquele que não aprende transformar-se

e sendo melhor, redimir-se de todo o silêncio de seu coração.

Afortunado é aquele que apreende de si o que lhe falta e buscando de si se completa; Encontrando em cada raio de luz, a certeza da estrada.

Mustafá Ali Kanso