Visualizações de página do mês passado

quarta-feira, 14 de outubro de 2015

Pela primeira vez, engenheiros constroem uma porta lógica quântica em silício | HypeScience

Um avanço significativo para a computação quântica foi feito por uma equipe da Universidade de New South Wales, em Sydney, na Austrália: eles criaram uma porta lógica quântica em silício, o mesmo material que chips de computadores tradicionais usam.
“O que temos é uma virada de jogo”, disse um dos pesquisadores, Andrew Dzurak.
Um requisito fundamental para computadores quânticos é que dois bits quânticos (ou qubits) se comuniquem e realizem cálculos juntos. Por enquanto, os cientistas só tinham alcançado esse objetivo usando dispositivos que contavam com tecnologias exóticas.
No novo estudo, os pesquisadores criaram um dispositivo eficiente usando essencialmente a mesma tecnologia de computadores existentes, o que facilitará muito a fabricação de um processador em larga escala.
“Isso torna a construção de um computador quântico muito mais viável”, explica Dzurak.

Os qubits

O avanço representa o componente físico final para cumprir a promessa de computadores quânticos superpoderosos baseados em silício.
Em computadores clássicos, os dados são processados como bits binários, que estão sempre em um de dois estados: 0 ou 1.
Fonte : Pela primeira vez, engenheiros constroem uma porta lógica quântica em silício | HypeScience

Um comentário:

Baldoino Soares Badu disse...

É a ciência avança a passos largos com grandes descobertas, mas muita coisa ainda precisa ser feito. Esperamos que a cura das doenças degenerativas seja um passo significativo.