Visualizações de página do mês passado

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Nobel de Medicina premia cientistas por trabalhos com células-tronco - ÉPOCA | Mundo

O Instituto Karolinska, de Estocolmo, ofereceu o Prêmio Nobel de Medicina de 2012 ao britânico John B. Gurdon, de 79 anos, e ao japonês Shinya Yamanaka, de 50, pesquisadores de células-tronco, nesta segunda-feira (8). Cada vencedor levará 8 milhões de coroas, equivalentes a R$ 2,4 milhões.
Os dois cientistas foram premiados por descobrir como se pode "reprogramar" células maduras para que se "transformem em células imaturas capazes de se transformar em qualquer tipo de tecido", o que revolucionou a compreensão científica de como se desenvolvem as células e os organismos.

Os porta-vozes do Instituto Karolinska afirmaram que Gurdon descobriu em 1962 que a "especialização das células é reversível", enquanto Yamanaka descreveu, 40 anos depois, como "células maduras intactas" podiam ser "reprogramadas para se transformar em células-tronco".
"Esta descoberta revolucionária mudou completamente nossa visão do desenvolvimento e da especialização celular. Agora entendemos que as células maduras não têm por que ficar confinadas para sempre em seu estado especializado", disse o instituto.

Leia mais acessando o link abaixo:

Fonte : Nobel de Medicina premia cientistas por trabalhos com células-tronco - ÉPOCA | Mundo

Um comentário:

Baldoino Soares Badu disse...

A nossa fé é inabalável, mas a ciência ta ai dizendo que pode sim!!!