Visualizações de página do mês passado

segunda-feira, 25 de março de 2013

É a ciência fonte de todos os males?

explosao-nuclear
Algumas questões do senso-comum que propalam a negação da ciência:
Em alguns dos e-mails que tenho recebido de meus leitores, e mesmo em posts de fóruns científicos que participo tenho observado a repetição das mesmas questões oriundas do senso comum e que como “negação da ciência” demonstram uma inquietação e até mesmo um inconformismo pelo estado de coisas no mundo de hoje.
Ameaça nuclear, poluição, armas químicas, drogas nas ruas. Será que o mundo piorou depois que se tornou mais científico e tecnológico?
Em outras palavras, seria a ciência ou a tecnologia que ela propicia as responsáveis pelos males que assolam nossa realidade mais imediata?
Em respeito a esses questionamentos efetuados pelos meus leitores, e mesmo discordando em muitas vezes de sua forma de pensar, quero agradecê-los, pois é por meio do debate, pela contraposição de argumentos que ativamos nossa inteligência e aguçamos nosso espírito crítico.
Compilei alguns questionamentos mais recorrentes e vou postá-las na forma de artigos. Aqui estão os primeiros:
1. É difícil, confuso ou complicado conceituar ciência. Afinal ela é “cheia” de subdivisões.
Pelo contrário, a ciência é definida com precisão, mesmo com todas as suas subdivisões. Seu conceito completo é ensinado a partir do 9.o ano do ensino fundamental e é assim enunciado:
“A ciência constitui todo um corpo de conhecimentos socialmente construído e historicamente acumulado pela humanidade e que atende aos seguintes pré-requisitos: ser dotado de objetividade e universalidade e estar sujeito à falseabilidade ou à comprovação, por meio de observações da natureza, e/ou experimentos e/ou pela aplicação da lógica e de seus recursos matemáticos como preconiza o método científico (tema abordado em meus últimos quatro artigos)”.
2. A ciência e a tecnologia são as responsáveis pela deterioração da qualidade de vida da sociedade como um todo. Veja o problema da poluição, o aquecimento global, as armas nucleares e as guerras, o estresse e a violência crescente nos grandes centros urbanos, o egocentrismo, etc. – tudo isso é provocado pelo materialismo que a ciência propiciou.
Fonte : É a ciência fonte de todos os males?

Um comentário:

Baldoino Soares Badu disse...

Não se pode fazer uma omelete sem quebrar os ovos, mas podemos dosar os componentes.